Sid Orleans confirma sua volta ao PT em reunião com a direção estadual e municipal do partido e diz que será candidato para ajudar Lula

37

Em reunião com os dirigentes partidários na noite de ontem, 17, o ex-vereador e ex-secretário de saúde de Porto Velho confirmou a sua volta à legenda e se diz animado para contribuir nas próximas eleições

Na noite de ontem, na nova sede do Partido dos Trabalhadores, em reunião extraordinária dos diretórios estadual e municipal, o ex-vereador e ex-secretário de saúde municipal, Sid Orleans oficializou o seu retorno à legenda. Dizendo-se emocionado por estar de volta à casa que sempre o acolheu, Orleans se mostrou preocupado com a situação do País e que precisa ajudar a mudar o atual estado das coisas. “Esse deve ser o compromisso de todos aqueles que desejam o melhor para as pessoas, para a democracia. Me sinto feliz em poder contribuir com a eleição de Lula e de um PT forte no estado”, afirmou Sid.

 

Em sua fala, o presidente estadual Anselmo de Jesus cumprimentou Sid Orleans e disse que o partido o recebia de braços abertos. “A volta ao partido é um ato natural para aqueles que viveram a experiência com o PT, pois aqui temos um partido de verdade, o que inclui contraditórios e críticas. Quem sabe conviver com isso nos ajuda muito”, disse o presidente.

 

O pré-candidato a senador pela sigla, Ramon Cujuí se disse feliz com o regresso de Sid Orleans e que mesmo havendo uma boa vantagem de Lula nas pesquisas, estas serão as eleições mais difíceis que o PT já teve. “Será mais difícil do que a de 1989, contra o Collor. Estamos lidando com outro tipo de adversário, mais perigoso e violento”, lembrou. Para ele, o partido se recupera das agressões e dos desgastes sofridos nos últimos tempos e que há ainda muita luta pela frente.

 

Para finalizar, Sid informou que o ato de assinatura da filiação e o lançamento da sua pré-candidatura será uma grande festa, na qual convidará amigos e correligionários e marcará o seu retorno ao partido em grande estilo. “Para mim é um grande orgulho estar de volta. E tem muita gente esperando esse momento. Vamos fazer um grande ato”, finalizou Orleans.