Mulher é suspeita de mandar matar o próprio pai, de 80 anos, em RO; PC investiga o crime

41
Corpo de Neri Lima Morais foi achado em uma casa de Buritis. Crime teria sido motivado porque suspeita usa drogas e pai seria contra os entorpecentes

Uma mulher está sendo investigada por ser a principal suspeita de ter mandado matar o próprio pai, de 80 anos, em Buritis (RO), Vale do Jamari.

O corpo de Neri Lima Morais foi encontrado na última sexta-feira (4) em uma residência do Setor 1 de Buritis. A vítima tinha suspeita de asfixia.

Após início da investigação, o delegado Adriano França, que atendeu a ocorrência, solicitou a conversão de prisão em flagrante para prisão preventiva da filha da vítima, que seria dependente química e convenceu outra pessoa a praticar o crime. O crime teria sido motivado porque o pai não aceitava que a filha usasse drogas.

O suspeito de matar o idoso fugiu após o homicídio. Para o delegado, o crime foi praticado por motivo torpe, mediante uso de asfixia, dificultando ou tornando impossível a defesa vítima, qualificando o homicídio como parricídio quando o filho age contra a vida do pai.

A polícia segue as investigações e buscas para prisão do suspeito de ser o executor do crime.