Latam suspende voo de Porto Velho a Manaus após aumento dos combustíveis

53
Suspensão será temporária, segundo empresa, e já inicia a partir de 2 de abril. Companhia fazia ao menos três voos diretos por semana entre as duas capitais

A Latam anunciou que vai suspender o voo direto de Porto Velho a Manaus, a partir de abril, em função do alto preço do querosene da aviação — impactado pela evolução da guerra na Ucrânia. Até então, a companhia fazia ao menos três voos diretos por semana entre as duas capitais.

Segundo a companhia, a suspensão é temporária e deve durar de 2 de abril até 30 de junho.

A viagem do aeroporto Governador Jorge Teixeira até o aeroporto Eduardo Gomes durava 1h40 e vinha sendo feita no avião Airbus A320 e não tinha escalas.

Além da suspensão do voo de Porto Velho a Manaus, haverá suspensão temporária de outras sete rotas da companhia e adiamento do início da operação de 11 novas rotas, que incluem novos destinos e novos trechos ainda não operados pela companhia.

Quem já tinha voo marcado poderá remarcar a data sem custo, solicitar o reembolso integral do valor pago ou optar por alguma rota alternativa com conexão. Todas essas alternativas são válidas até o vencimento do bilhete, 12 meses após a data da compra.

“NÃO SE TRATA DE CANCELAMENTOS, MAS SIM DE ADIAMENTOS E SUSPENSÃO TEMPORÁRIA DAS ROTAS”, INFORMOU A LATAM.