JI-PARANÁ – Servidores da Semed e da Semusa recebem treinamento sobre utilização do suprimento de fundo

52

CGM promoveu a capacitação com funcionários

Os servidores das secretarias municipais de Saúde (Semusa) e de Educação (Semed) passaram por um treinamento sobre a utilização do suprimento de fundo, realizada pela Prefeitura de Ji-Paraná, por meio da Controladoria Geral do Município (CGM), nesta quarta-feira (23), no auditório da Semed.

Segundo a titular da Semusa, Wanessa Oliveira e Silva, a capacitação foi destinada a todos servidores da Saúde de Ji-Paraná, visando instruí-los sobre a utilização da ferramenta de execução orçamentária e financeira da Administração Pública.

“Essa parceria entre a Semusa e a CGM Interna foi realizada para dar mais transparência às ações da Prefeitura, além de demonstrar aos servidores a maneira correta da utilização do suprimento de fundo, por meio das leis municipais vigentes”, explicou Wanessa.

O suprimento de fundo é um adiantamento de valores, concedido diretamente à uma conta institucional, que fica sob responsabilidade do servidor. A partir da concessão do crédito, o servidor tem o prazo de 30 dias para realizar a aplicação desse recurso e, posteriormente, mais 20 dias para apresentar a prestação de contas do valor empenhado.

“Após isso, a prestação de contas é remetida à CGM, para que seja feita uma avaliação para confirmar se tudo está dentro da normalidade e dos padrões da legislação. Com tudo correto, esse documento é enviado à Contabilidade, para que seja feita a baixa da responsabilidade do servidor que recebeu o recurso”, detalhou Gilmaio Ramos de Santana, auditor do Controle Interno Municipal.

O suprimento de fundo é um recurso que pode ser utilizado para cobrir despesas judiciais e correlatas; despesas miúdas de pronto pagamento realizadas dentro e fora dos limites territoriais do município; despesas com premiações desportivas; e despesas com viagens administrativas.