Grupo invade fazenda e mantém proprietários em cárcere privado em Rio Crespo; PC investiga o caso

38
Dezoito pessoas foram identificadas, entre elas um adolescente. Invasão começou na sexta-feira

Um grupo com 18 pessoas invadiu uma fazenda localizada em Rio Crespo (RO), expulsou os funcionários e manteve os proprietários reféns por dias. A invasão começou na sexta-feira (18).

Dez homens, sete mulheres e um adolescente foram identificados na ação e encaminhados à Unidade Integrada de Segurança Pública (Unisp) de Ariquemes (RO), município vizinho a Rio Crespo. Também foram apreendidas armas de fogo, munições, facões e foices.

A PM ressalta que a região de Rio Crespo já foi palco de várias disputas por terras.

Outras invasões recentes

Em outubro de 2021, uma fazenda localizada em Vilhena (RO) também foi invadida por um grupo de pessoas. O episódio culminou em uma chacina que deixou cinco pessoas mortas: dois proprietários e três funcionários.

Essa foi a segunda chacina no mesmo local em pouco mais de cinco anos. Em 2015, cinco pessoas também foram mortas na fazenda. Na ocasião, um homem foi atingido com um tiro nas costas. Ele fingiu que estava morto, sobreviveu e ajudou à Polícia Civil nas investigações do crime.