As famílias dos jovens capturados pela Polícia Militar do Maranhão (PM-MA), nessa quinta-feira, 19 de maio de 2017, no Povoado Boa Esperança, alegam a inocência dos jovens que foram capturados por moradores do referido povoado e entregues a PM-MA.

As famílias dos jovens, que são do Povoado São João do Grajau, município de Vitorino Freire, afirma que estão indignadas com a situação e que os jovens foram confundidos com os ladrões de motos que estavam aterrorizando a região.

Segundo informações, os três jovens estariam indo visitar a mãe de um deles, quando os mesmos teriam sido confundidos com ladrões de motos. Os três fugiram para dentro do matagal e dois deles foram capturados por populares que agrediram a dupla.

O terceiro jovem continuava desaparecido dentro do matagal até a tarde desse domingo, 21 de maio de 2017, e um grupo de parentes e amigos estavam à procura do jovem no Povoado Boa Esperança.