Foi encontrado morto na manhã desta quarta-feira, 17 de maio de 2017, no quarto da casa onde morava no Conjunto Residencial Sol Nascente, na cidade de Santa Inês, o veterano político e ex-assessor parlamentar já aposentado, José Nogueira de Assis, de 77 anos de idade.

Ele era natural de Cajazeiras, no Estado da Paraíba, mas residia há décadas no Maranhão. Nogueira, como era conhecido, foi vítima de estrangulamento. O corpo foi encontrado por vizinhos que sentiram a ausência dele nas últimas 24 horas. Ele estava na cama com as mãos amarradas com um lençol, possivelmente o mesmo utilizado para estrangulá-lo.

José Nogueira era homossexual e a casa dele era bastante frequentada por rapazes. E tudo leva a crer que o (s) autor (es) do crime tinha ligação com a vítima que teve o veículo e alguns pertences levados. A Polícia Civil de Santa Inês investiga o caso e deve chegar aos assassinos. O carro já foi encontrado.

O corpo de Nogueira está sendo velado na Igreja Nossa Senhora do Rosário na Rua 7 de setembro, Centro de Santa Inês. A família ainda não definiu onde será o sepultamento.

O paraibano José Nogueira de Assis atuou como assessor parlamentar de Ribamar Alves enquanto deputado federal e como diretor de eventos do Município, quando Ribamar era prefeito. Também atuou muitos anos na política local, sendo, inclusive, agraciado com o Título de Cidadão Santainesense, honraria concedida pelo então vereador Batista de Biné,em 2015.

Fonte: Minard