Na manhã dessa sexta-feira, 28 de abril de 2017, uma multidão formada por professores, servidores públicos, estudantes, trabalhadores da iniciativa privada e setores da sociedade civil organizada, foram às ruas manifestar contra a reforma da previdência e a reforma trabalhista.

A manifestação fez parte de uma agenda nacional, onde vários sindicatos de várias cidades do país, além de setores da sociedade civil organizada, se mobilizaram em protestos contra as reformas impostas aos trabalhadores pelo Governo Federal.

Vestidos de preto e gritando palavras de ordem, os manifestantes percorreram as principais ruas e avenidas do município de Buriticupu e seguiram para a BR-222 que teve as duas vias interrompidas por aproximadamente uma hora.

O professor Eliésio, que é presidente do Sindicato dos Trabalhadores da Educação Básica (SINTEB) de Buriticupu falou sobre a manifestação. “hoje é um dia histórico no país, e Buriticupu não pode ficar de fora deste movimento, estamos aqui mandando nosso recado, não aceitamos nem um direito a menos”. Destacou o presidente.