Pesquisa do Instituto Vox Populi encomendada pela Central Única dos Trabalhadores (CUT) e divulgada nesta sexta-feira (21) pela revista Carta Capital mostra que 78% dos entrevistados querem a cassação do mandato do presidente Michel Temer na ação baseada em suposto abuso de poder político e econômico na campanha eleitoral de 2014 e que tramita no Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Ainda de acordo com a sondagem do instituto, que divulgou ao longo da semana resultados sobre a aprovação do governo e sobre as eleições presidenciais de 2018, nove em cada dez brasileiros entrevistados desejam que o novo presidente seja escolhido por eleições diretas, e não pelo Congresso Nacional, como está previsto na Constituição.

O Vox Populi ouviu 2 mil eleitores com mais de 16 anos, residentes em 118 municípios, de todos os estados e do Distrito Federal, em áreas urbanas e rurais, entre 6 e 10 de abril.  A margem de erro é de 2,2 pontos percentuais, para mais ou para menos.

Em ação impetrada no final de 2014, o PSDB questiona as doações de campanha e a relação da chapa Dilma-Temer com empresas envolvidas na Operação Lava Jato. Atualmente, o PSDB integra os quadros do governo Temer, tendo o deputado tucano Antônio Imbassahy como titular da Secretaria de Governo do Palácio do Planalto.